EXISTE METODOLOGIA PARA SE APRENDER MAIS RÁPIDO? Nossa colunista Márcia Martins responde!

EXISTE METODOLOGIA PARA SE APRENDER MAIS RÁPIDO? Nossa colunista Márcia Martins responde!

Aprender a Micropigmentar aparentemente parece é fácil, na verdade a técnica é simples mas não é nada fácil dominar o dermografo e as delicadezas da pele, inclusive ter conhecimento de química dos pigmentos e anatomia e fisiologia da pele.
Com isso, foram criados métodos eficazes de ensino a Micropigmentação, temos o exemplo da “Metodologia Magma” para micropigmentadores com jornadas integrais e vivências aplicadas com êxito ao aluno.

O método Magma cumpre a meta de levar aprendizado rápido (Meta aprendizado) um método focado para adultos onde o aluno se torna apto para o mercado de trabalho.
Existe uma demanda muito grande em cursos e técnicas desenvolvidas por vários profissionais com o intuito de ajudar no desenvolvimento artístico, mas é a metodologia usada que fará a diferença.

No campo do aperfeiçoamento existem algumas regras infalíveis que irão ajudar o profissional Micropigmentador a acelerar o processo de aprendizado:
1. Admitir suas dificuldades é o primeiro passo: No caminho da autoralidade, reconhecer o próprio erro é fundamental. Verdadeiramente, este é o primeiro passo para acelerar o processo de aprendizado, já que, todo o tipo de justificativa só atrapalha e torna o processo evolutivo muito mais lento. Ao reconhecer e admitir suas dificuldades, fica aberto todo o campo de conhecimento para coisas novas.
Toda técnica é muito bem vinda, reunir estilos é uma ótima forma de encontrar o seu próprio estilo e esse processo necessita de organização, cada informação deve vir no momento certo, com clareza e assertividade.

2. Desconstrua: a cada novo curso e em meio a tantas técnicas e diferentes estilos, o ideal na hora de acrescentar novas informações é que o aluno se esvazie de todo conhecimento que já foi adquirido, isso para que as informações não se cruzem, evitando assim um acúmulo de dúvidas.

3. Uma boa dose de atitude ajuda a praticar: ” A prática leva a perfeição”. Esta frase muito conhecida coloca um compromisso com a perfeição, isso acarreta um stress e um sentimento de impossibilidade, pois sabemos que não existe a perfeição. O ideal seria mudar este contexto para: ” A prática leva ao aperfeiçoamento”. Aprenda que o processo evolutivo só pode ser medido se levar em conta os degraus que ficaram para trás, as atitudes tomadas ao longo do caminho farão a diferença dia após dia, e essa constância irá resultar em avanços. Daí o grau de aperfeiçoamento pode ser infinito e duradouro.

4. A cada novo método pratique pelo menos 20 horas: A pesquisa de Josh Kauffman, avalia as 20 horas de prática necessária para observar que está ficando bom em algo. O maior impedimento para o aprendizado não é intelectual, mas sim o emocional. As técnicas da metodologia Magma para micropigmentadores são baseadas na “Andragogia”, trata-se de um método de ensino para capacitar adultos que queiram aprender algo, no caso da micropigmentação é fundamental aprender as coisas no limite humano.

5. A forma mais eficiente de se aprender algo é ensinando:
O psiquiatra americano William Glasser (1925-2013) aplicou sua teoria da escolha para a educação. De acordo com esta teoria, o professor é um guia para o aluno e não um chefe. Glasser explica que o trabalho de memorização é ineficiente, porque a maioria dos alunos simplesmente esquecem o que foi passado após a aula. Em vez disso, o psiquiatra sugere que os alunos aprendam efetivamente junto com o professor intrutor, fazendo e repetindo o que foi passado.


Imprimir